Pendrives Diferentes Seu Trabalho Seguro Décio Segurança Top Segurança Segtrabase Tst Sérgio Profissionais em Seg Trabalho Zona de Risco

Capacete de Segurança com sistema de ventilação




De acordo com a NIOSH, trabalhadores em ambiente quente podem reduzir o seu desempenho físico e alerta mental ou desviar sua atenção das suas atribuições. Para ajudar a compensar os efeitos negativos do trabalho em clima quente, o capacete com sistema de ventilação com fluxo de ar permite a fuga do calor, mantendo a cabeça do trabalhador mais ventilado, aumentando sua segurança em relação à preocupação ou desvio de atenção por causa desse calor.

O projeto inclui aba frontal, que contribui para desviar a água da chuva dos rostos dos trabalhadores e uma tira almofadada que ajuda absorver a umidade e transpiração (removível).
É fabricado com polietileno de alta densidade e pesa 370g . Possui pontos para fixação de acessórios, ajuste de capacete e sistema de suspensão com seis pontos para absorção de impactos (carneira).
O capacete está de acordo com a norma com ANSI 89.1 por Tipo I, Classe C.


Comentário
É um capacete apropriado para clima quente como no Brasil. O capacete em geral, para quem trabalha em ambiente quente, principalmente ao ar livre, parece uma panela de pressão, cozinhando lentamente a cabeça. Alguns trabalhadores utilizam artifícios para minimizar o calor e transpiração, usando um boné ou gorro internamente.

Capacetes de Segurança
Todos os anos, trabalhadores são gravemente feridos devido a impactos na cabeça. Equipamentos de proteção individual são indicados para proteger o trabalhador de um risco existente e não para controlar ou remover a fonte de risco. O uso de capacetes de segurança reduz as chances de ocorrerem ferimentos graves.
Uma das principais causas de danos à saúde entre trabalhadores da construção civil é a queda de objetos. Porém, nem todos os acidentes levam à morte. O mais freqüente são os danos no cérebro, ferimentos no pescoço e outros efeitos.

Outro risco para a cabeça, são os choques elétricos. Tanto em construções, ou outra indústria qualquer, existe a possibilidade de contato com fiação elétrica, e então a possibilidade de choques elétricos. Muitos capacetes de segurança são feitos para oferecer certo grau isolação elétrica.

A proteção adequada é muito importante e deve ser compatível com o trabalho a ser feito. Um capacete é composto de duas partes principais. A primeira é o casco, feito geralmente de polietileno de alta densidade, podendo ser de outros materiais como ABS. O segundo componente é a suspensão que é a armação interna do capacete, constituída de carneira e coroa. O objetivo do conjunto é reduzir os efeitos causados pelo impacto de um objeto na cabeça do trabalhador.

Um capacete de segurança deve atender aos requisitos abaixo:
1-Deve limitar a pressão de impacto aplicada no crânio, difundindo-a através da maior superfície possível. Isto é conseguido através de uma suspensão que se encaixe bem em vários tamanhos de crânio, juntamente com um casco forte o suficiente para evitar que o crânio entre em contato direto com o objeto em queda. Sendo assim, o casco deve ser resistente à deformação e perfuração.
2-Deve dissipar a energia que seria transmitida para a cabeça e pescoço. Isto é conseguido através da suspensão, que deve ser seguramente encaixada no casco, assim o impacto é absorvido sem que a suspensão desencaixe. Consegue-se isto através de encaixes robustos, tiras devidamente encaixadas na carneira, bom ajuste de diâmetro na cabeça do usuário, etc. A suspensão deve ainda ser flexível suficiente para deformar-se com o impacto, sem tocar no casco, isto é possível devido ao vão livre vertical, que é a medida entre o ponto mais alto da face interna da suspensão e o ponto mais alto da face interna do casco, com o capacete colocado na posição normal de uso.
3-Dependendo do trabalho a ser feito, um capacete de segurança deve também reduzir danos provenientes de choques elétricos.

Segundo a mesma norma, os capacetes são classificados em duas classes:
a) Classe A: capacete para uso geral, exceto em trabalhos com energia elétrica;
b) Classe B: capacete para uso geral, inclusive para trabalhos com energia elétrica.
E as classes podem ser de três tipos:
Tipo I: capacete com aba total;
Tipo II: capacete com aba frontal;
Tipo III: capacete sem aba.
As exigências feitas para um capacete de classe B englobam todas as feitas para a classe A, e a eles agrega exigências relativas ao isolamento dielétrico. Neste sentido, pode-se considerar que a classe B engloba a classe A.

Outros requerimentos devem ser observados para trabalhos específicos. Isto inclui proteção contra respingos de metais fundidos, e proteção contra impactos laterais.

Considerações especiais
Em ambientes onde o trabalhador está exposto a materiais condutivos, somente o capacete classe B deve ser usado. Este tipo de capacete não deve possuir perfurações para ventilação ou partes metálicas, assim como nenhum dos seus acessórios (abafadores, viseiras, etc.) podem possuir qualquer componente metálico.

Capacetes de segurança devem ser mantidos em boas condições e trocados quando necessário. Para isto seguem algumas recomendações:

1-Não deve ser guardado em ambientes expostos ao Sol, pois a radiação ultravioleta presente na radiação Solar, enfraquece o casco, e o que pode reduzir a resistência no momento do impacto.
2-Inspecionar regularmente o casco. Procurar por sinais de deterioração, danos provenientes de algum impacto, penetração, abrasão, etc.
3- A suspensão também deve ser inspecionada regularmente. Se houver sinais de deformação ou rasgamento, deve ser substituída.
4-Partes danificadas devem ser substituídas. Nunca use partes de fabricantes ou modelos diferentes. Os capacetes são testados da maneira como eles são vendidos, uma construção diferente não garante que a mesma continue atendendo a norma. Além do mais não está coberta pela lei, por não possuir Certificação Aprovada.
5-Para limpeza do casco, use somente água e sabão. Se houver necessidade de desinfecção, uma solução a 5% de hipoclorito de sódio deve ser usada.
6-O casco e a suspensão nunca devem ser alterados.
7-Não pinte ou limpe com solventes ou gasolina. Não aplique abrasivos. Estes produtos químicos podem enfraquecer o casco.
Fonte:3M do Brasil Ltda

Dia Mundial do Meio Ambiente - O que você fará por ele?


Estabelecido pela Assembléia Geral das Nações Unidas em 1972, o Dia Mundial do Meio Ambiente marcou a abertura da Conferência de Estocolmo sobre Ambiente Humano. Desde então, ele é celebrado todos os anos no dia 5 de Junho, catalisando a atenção e ação política de povos e países para aumentar a conscientização e a preservação ambiental. O tema do Dia Mundial em 2009 é “Seu planeta precisa de você: Unidos contra as mudanças climáticas”. Ele aponta para a urgência que as nações devem atuar para fazer frente às mudanças climáticas, manejar adequadamente suas florestas e outros recursos naturais e para erradicar a pobreza.


“A turbulência econômica e financeira que varre o planeta é um verdadeiro chamado para o despertar e soa como um alarme para a necessidade de se melhorar antigos padrões de crescimento e fazer uma transição para uma nova era do desenvolvimento mais limpo e verde. O tema deste ano do Dia mundial do Meio Ambiente, seu planeta precisa de você, visa inspirar-nos a todos para fazer nossa parte,” diz Sr.Ban Ki-Moon, secretário geral das Nações Unidas.
Este ano, o México foi o país escolhido para sediar as comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente, o que resultou no engajamento dos países da América Latina e Caribe na luta contra as mudanças climáticas e na transição para uma sociedade de baixo carbono.
O presidente do México, Felipe Calderón, afirma que a celebração do Dia Mundial do Meio Ambiente “irá destacar a determinação daquele país em gerenciar adequadamente seus recursos naturais e lidar com o mais exigente desafio do século 21 - as mudanças climáticas".
Nosso planeta precisa de mais do que apenas ações por parte de governos e corporações, necessita de cada um de nós. Embora as decisões individuais possam parecer pequenas diante das ameaças e das tendências globais, quando bilhões de pessoas unem suas forças em um propósito comum podem fazer uma enorme diferença.
“Neste Dia Mundial do Meio Ambiente, eu conclamo todas as pessoas a tomarem medidas concretas para tornar o planeta mais verde e limpo. Desliguem as luzes. Andem de transporte público. Reciclem. Plantem uma árvore. Limpem o parque mais próximo. Responsabilizem as corporações por suas práticas ambientais. Instem seu governo e seus representantes para selar o acordo em Copenhague,” diz Ki-moon.
Você vai fazer a sua parte?



Ocorreu um erro neste gadget

Seguidores